organizador_sede_01

Sejam bem-vindos ao templo da ORGANIZAÇÃO.

Mudar é algo difícil para a maioria das pessoas. Para O Organizador é difícil também, claro, mas acima de tudo, mudar é o que me move, me traz inovação e uma adrenalina incomparável.

A nova sede está recheada de detalhes que vão ENCANTAR qualquer um que se interesse pelo fascinante mundo da Organização, pois claro, para mim, organizar é sinônimo de trabalho e paixão. Então entre e sinta-se à vontade. Essa é a minha nova casa.

mapa-organizador

 

Localizada no Bairro Mata da Praia, um dos cantinhos mais aconchegantes da Cidade de Vitória, no Espírito Santo, a sede foi projetada pelo designer Eduardo Cunha, com a minha participação direta, já que o assunto é organização e soluções práticas de arquivamento.

sede organizador

 

Quanto menor o espaço, maiores os desafios. E esse era grande, pois era necessário ter um espaço para treinamentos, escritório, show-room de materiais e equipamentos, além é claro do cantinho do café e do estoque de produtos.

 

IMG_20170208_081753560_HDR

 

No térreo, um Arquivo Deslizante, além de acomodar os meus arquivos, apresenta soluções para os mais variados tipos de objetos, como caixas de diferentes tamanhos, pastas pendulares, pastas suspensas, mídias digitais, mapas, parafusos, ferramentas e até peças de carro! Agora imagina se eu tivesse que acomodar tudo isso naqueles arquivos de quatro gavetas ou em estantes com prateleiras fixas? Será que esse espaço seria suficiente?

O cantinho do café ganhou altura. Tudo pensado de acordo com o tamanho das pessoas que utilizarão esse espaço, trazendo funcionalidade e ergonomia.

IMG_20170208_081935590

 

E um escritório inteiramente modulável? Tem também. Cada componente dessa estrutura pode ser adaptado de acordo com a necessidade do usuário. No meu caso, a ideia é deixar tudo à mão e sempre nos seus devidos lugares. A TV é utilizada para os treinamentos (e um jogo do Botafogo aqui e acolá, porque ninguém é de ferro, né?).

IMG_20170208_083228148

 

Até o estoque, que fica no mezanino, foi todo pensado para gerar o menor tempo de procura dos ítens. Cada objeto também foi estrategicamente posicionado, considerando o quanto ele é usado, seu peso e necessidade de armazenamento.

IMG_20170208_083325073_HDR

 

E claro, o espaço de treinamento, que leva a frase que coroa não apenas esse projeto, mas como a filosofia d’O Organizador e aquilo que levo todos os dias aos meus clientes, alunos e amigos.

Gostou? Entre em contato e venha conhecer de perto!!

Em breve traremos ainda mais novidades.

Organize-se!

Novo endereço: Avenida Rozendo Serapião de Souza Filho, 691, Edifício Boulevard Mata da Praia, loja 16, Mata da Praia, CEP: 29065-020, Vitória-ES

COMENTAR COMPARTILHAR:

CURSO: Curso de Organização de Condomínio

 

Os documentos do seu Condomínio estão organizados? Há excesso de papéis e de informações? Anda perdendo tempo para localizar documentos quando precisa? Qual a melhor forma de guardar cada documento e poder encontrá-lo rapidamente?

Neste incrível curso, Tadeu Motta irá apresentar as melhores soluções para que os arquivos do seu Condomínio Residencial ou Comercial transformem-se numa ferramenta eficiente, que facilite a gestão, pelo Síndico ou pela Administradora.

OBJETIVO

Desenvolver e capacitar pessoas para lidar com os documentos produzidos e acumulados nos Condomínios Residenciais e Comerciais, por meio de técnicas e ferramentas de armazenamento, gerenciamento e localização de informações em diversas mídias e ambientes, buscando a produtividade.

 

PÚBLICO-ALVO

Síndicos e administradores de Condomínios, profissionais de organização, secretárias, e estudantes da área de arquivologia e administração.

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

> O que são e para que servem os Arquivos:

> Seu papel na vida das pessoas e das Organizações;

> Estudo do Ciclo de Vida dos Documentos;

> Como criar um mapa para localização dos documentos?;

> O que deve ser arquivado? Por quanto tempo?;

> Qual o método de arquivamento mais adequado para cada tipo de documento?;

> Que materiais e equipamentos utilizar para arquivar cada documento?;

> Dicas de conservação: Como preservar documentos importantes?

 

>> 6 horas de aprendizado na prática. Exercícios em grupo, conteúdo personalizado e resultados imediatos.

 

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

Apenas R$ 295,00

 

> Pagamento via PagSeguro. Divida em até 18x. Inscrições em grupo a partir de 4 pessoas com condição especial.

> Dúvidas ou informações: tadeumotta@oorganizador.com.br

> Whatsapp 27 99999-3444

 

TOME NOTA:

> Data: 6 e 7 de maio de 2015

> Horário: 19:00 às 22:00

> Local: Loja O Organizador – Rua Eugênio Netto, 488, Ed. Praia Office, Loja 10, Praia do Canto, Vitória – ES

> Certificado, exercícios práticos e materiais personalizados.

 

PARA SE INSCREVER, CLIQUE AQUI:


COMENTAR COMPARTILHAR:

No post anterior desta série, tratei da pasta intercaladora, que não utiliza varões nem visores, e destina-se à guarda de pequenos volumes de papéis.

No dia-a-dia dos escritórios, no entanto, vários documentos são constituídos por grande quantidade de papéis, e as peças que os constituem necessitam ser mantidas na ordem em que foram produzidas ou acumuladas, para não perderem o sentido, como nos casos dos dossiês, por exemplo.

Nestas circunstâncias o mais conveniente é utilizar um modelo de pasta com maior capacidade de arquivamento, com solução de fixação dos papéis e de visualização rápida, e mantê-las em prateleiras, nas estantes ou dentro de armários.

Para estes casos já existe um modelo bastante comum nos escritórios e home-offices:

Hoje, PASTAS REGISTRADORAS A-Z:

 

Pastas registradoras A-Z, boa opção para documentos volumosos de guarda temporária e pouco manuseio

Pastas registradoras A-Z, boa opção para documentos volumosos de guarda temporária e pouco manuseio

Leia Mais

COMENTAR COMPARTILHAR:

Já analisei, nesta série de posts, os principais modelos de pastas suspensas, pendulares e dígito-terminais. Nas duas primeiras, a diferenciação se dá através do varão, que determina a visualização frontal ou lateral do conteúdo, restringindo ou facilitando sua aplicação em níveis mais elevados.

Com as pastas dígito-terminais o varão desaparece, já que as pastas são posicionadas diretamente sobre as prateleiras, e a visualização é feita através de etiquetas que combinam dígitos e cores, possibilitando grandes vantagens na compactação de acervos onde for possível utilizar-se deste método numérico, como no caso de hospitais, consórcios, setores de RH, etc..

Há ainda um outro tipo de pasta que não utiliza varões nem visores, muito utilizada em escritórios corporativos e com muito potencial para os home-offices.

Hoje, PASTAS INTERCALADORAS:

 

 Pastas intercaladoras nas versões com cartão neutro, kraft e timbó: Excelentes em composição com pastas suspensas

Pastas intercaladoras nas versões com cartão neutro, kraft e timbó: Excelentes em composição com pastas suspensas de lombo plástico ou lombada

Leia Mais

COMENTAR COMPARTILHAR:

No post anterior, apresentei a pasta dígito-terminal, destacando suas vantagens quando aplicada em arquivos onde é necessário substituir a ordem alfabética pela ordem numérica, obtendo maior controle sobre eventuais erros de arquivamento, que são facilmente denunciados através do contraste de cor-número que as etiquetas possibilitam.

Outra vantagem da utilização deste tipo de pasta é a inexistência de varões, já que ela é arquivada diretamente sobre a prateleira, permitindo grande compactação e aproveitamento dos níveis superiores nos arquivos.

Hoje quero mostrar algumas aplicações desta pasta, a partir de demandas apresentadas por clientes de vários segmentos.

Hoje, PASTAS DÍGITO-TERMINAIS: APLICAÇÕES

 

Arquivo de clientes, com matrícula de 5 dígitos e etiqueta com demais dados

Arquivo de clientes, com matrícula de 5 dígitos e etiqueta com demais dados

Leia Mais

COMENTAR COMPARTILHAR:

Já destaquei aqui os principais modelos de pastas suspensas, que se caracterizam pela utilização de um tipo de suporte que requer visualização frontal, e por este motivo se mantém restritas a arquivos de menor extensão, já que não funcionam bem em arquivos onde se deseja explorar a altura do ambiente para ganhar espaço.

Tratei ainda das pastas pendulares ou laterais, que, por utilizarem um suporte tipo cabide, de visualização lateral, permitem fácil acesso visual mesmo em níveis mais elevados, tornando-se boa opção para economia de espaço, sobretudo se utilizada em arquivos deslizantes, que normalmente são fornecidos com alturas mínimas acima de 2,00m.

Há, no entanto, um tipo de pasta ainda mais eficiente quando a situação requer compactação de espaços. Trata-se da pasta dígito-terminal, muito indicada para os acervos constituídos de grande quantidade de pastas, onde a ordenação alfabética, ineficiente pela quantidade de erros que possibilita, é substituída pela combinação de dígitos e cores.

Utilizada largamente como prontuário de pacientes, funcionários e alunos, é muito utilizada em hospitais, faculdades, área de RH e consórcios, e em várias outras situações onde é possível a organização do arquivo através da ordenação numérica, permitindo, se utilizada toda a capacidade de seus 8 dígitos, até 100 milhões de combinações.

Hoje, PASTAS DÍGITO-TERMINAIS:

 

Pasta dígito-terminal em cartão marmorizado, com etiquetas adesivas

Pasta dígito-terminal em cartão marmorizado, com etiquetas adesivas

Leia Mais

COMENTAR COMPARTILHAR:

No último post, apresentei a PASTA PENDULAR PAPÉIS SOLTOS, destacando as diferenças em relação aos modelos de PASTAS SUSPENSAS, mais amplamente conhecidas.

Sua principal vantagem reside na possibilidade de ser utilizada em níveis mais altos do ambiente, em função de ser constituída por suportes que, diferentemente das pastas suspensas, são encaixados nos arquivos de forma semelhante a um cabide.

Sua identificação se dá por meio de visores localizados na extremidade do suporte, voltados para a parte externa do arquivo, o que permite fácil acesso, mesmo em níveis mais altos, alcançando alturas que são inviáveis ergonomicamente para as pastas suspensas. Destacadas as diferenças, hoje quero tratar das semelhanças entre os dois tipos de pasta: a suspensa e a pendular (ou lateral).

 

4 modelos de pasta pendular, com as mesmas funções dos respectivos modelos suspensos

4 modelos de pasta pendular, com as mesmas funções dos respectivos modelos suspensos

Leia Mais

COMENTAR COMPARTILHAR:

Nos últimos dias analisei, numa série de posts, os principais modelos de pastas suspensas. Na ocasião, destaquei como característica deste tipo de pasta a visualização frontal, com o visor localizado em alguma posição ao longo do varão, e o encaixe nas extremidades.

Com isso, torna-se inconveniente sua utilização em níveis mais elevados, haja visto que o principal mobiliário utilizado para sua guarda são os arquivos de aço, limitados a 4 gavetas. Acima desta quarta gaveta a maior parte das pessoas teria dificuldade para alcançar a identificação contida no visor.

As pastas pendulares ou laterais surgiram exatamente como alternativa a esta limitação. Nelas, o encaixe no arquivo se dá por meio de varões duplos, que funcionam como cabides, e o visor é posicionado na extremidade do suporte, permitindo fácil visualização mesmo em níveis mais elevados.

Hoje, PASTAS PENDULARES PAPÉIS SOLTOS:

 

Pasta pendular instalada no nível mais elevado de um arquivo deslizante

Pasta pendular instalada no nível mais elevado de um arquivo deslizante

Leia Mais

COMENTAR COMPARTILHAR: